Quero que observem bem esse horrível cenário, que foi descrito nesse anúncio da Unicef:

No anúncio, um menino de cerca de 4 ou 5 anos, com um enorme hematoma no rosto, entra em uma farmácia para obter uma medicação contra a violência das gangues. O farmacêutico lhe da um remédio, e o aconselha a tomar uma gota, junto com um cubo de açúcar: “Ele vai mantê-lo seguro, OK?”

Infelizmente, toda essa conversa, não passa de um sonho na cabeça do menino, e o farmacêutico é apenas um boneco, que o menino tenta brincar. A mensagem no final, nos lembra que a cada cinco minutos, uma criança morre em decorrência de violência. “Não há nenhuma vacina. Há apenas você”, ele continua.

O anúncio, em seguida, aconselha os espectadores a visitar o site: unicef.org.uk/violence. O anúncio vem na esteira de um relatório da Unicef ​​UK, onde relata que 340 pessoas menores de 20 anos morrem todos os dias, principalmente de violência interpessoal, em vez de guerra.

Só achei meio estranho, o final do vídeo ser em português, o que me passou a impressão que aqui no Brasil, é onde morre mais gente nessa faixa etária. Mas será verdade? Entendi errado?

Fiz uma busca rápida, inclusive no site da UNICEF e não achei estes números, em contra partida, encontrei uma matéria no UOL, do dia 10/04 deste ano, que fala que o Brasil é o 16º país onde mais se mata, agrupando ai, 11% dos assassinatos do mundo, de acordo com a ONU.

Que nosso país é violento, não há dúvidas, e as vezes tem mais mortes que países em guerra. Más sei lá, achei meio estranha a parte final do vídeo. Tirem suas próprias conclusões:

[youtube youtubeurl=”35Ac7EnedPk” ][/youtube]

{}!

Share.

About Author

Baiano que ama tecnologia. Faz aplicações para a web, desenvolve e presta consultoria. Adora um jogo de xadrez e um hold´em. Editor dos antigos expertstech.net e technodia.net

Leave A Reply